quarta-feira, julho 15, 2020

Qualquer um com conhecimento trivial sobre desenho pode fazer quadrinhos. Um traço rebuscado não é uma imposição essencial quando falamos...

15/07/2020 - Livros de Referências e Art Books

Nenhum comentário:
 
Qualquer um com conhecimento trivial sobre desenho pode fazer quadrinhos. Um traço rebuscado não é uma imposição essencial quando falamos de narrativa gráfica. As histórias em quadrinhos resultam de inúmeros recursos que não só o de um traço impecável. Páginas detalhadas e com toda sorte de elementos sensoriais marcantes nem sempre são imprescindíveis, é possível ao artista encontrar por si os próprios métodos de expressão. Ainda assim, a Arte precisa alimentar-se de técnica, seja qual o estilo.
Livros de referência para desenhar figuras humanas.
Querer melhorar é bom. Estudar, observar e praticar nunca trouxe desvantagens a qualquer atividade artística, é parte da evolução de qualquer um com apreço pelas suas criações. Quem não está acomodado, busca a superação, assim como a ideia de se aperfeiçoar lhe é agradável. Pois ser melhor, ainda que exija esforços e abdicações, é uma inegável fonte de satisfação. Para o artista, isso se dá seguindo exemplos nos quais se espelha e que o levarão a encontrar a própria identidade.

Desenhar é estudo, uma evolução constante, que vem tanto com a prática quanto com o interesse sobre tudo o que essa atividade se relaciona. Estar disposto a ser permeado pela Arte requer disposição e atenção sempre ativas. E para isso, além de observar o que nos cerca, vale usar tudo o que dispomos a nosso favor.

Os livros de desenho são uma grande ajuda na hora de atualizar o traço. A consulta a eles, em intervalos de tempo regulares, reforça a intuição quando partimos para trabalhar em algo bem acabado. É sempre necessário recorrer às técnicas de desenho até torná-las espontâneas: como a anatomia, a perspectiva e os seus fundamentos básicos. Até chegar à extravagâncias maiores de um traço, o estudo tem valor imensurável, porque é dele que retiramos a "magia" de uma boa obra figurativa. Os livros são recomendáveis porque cada exemplo é acompanhado de textos de apoio, que conduzem a compreensão clara da lições, somando informações que reforçam o seu entendimento.
Art books. Uma divertida forma de buscar inspiração.
A outra maneira de estudar - e sem dúvidas a mais divertida - é folhear um art book. Esses albúns com obras de artistas profissionais, encantam e inspiram intensamente. Não me canso de os folhear, pensar a respeito do que estou vendo e absorver cada elemento das composições que mais me atraem, tentando entender como cada desenho chegou àquela conclusão. "Ler" um art book treina os olhos e estimula o pensar na arte por diferentes direções, considerando possibilidades das mais variadas. E, claro, após estar com uma dessas publicações em mãos, a vontade é a de ir até a prancheta para se divertir.

Eu não falei da internet porque ainda pretendo filtrar bons links de referências para um post futuro... Que possam ser legais de compartilhar. O assunto é longo, então, vamos devagar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário