sexta-feira, maio 01, 2020

Minhas publicações on-line só são possíveis se houver algum tempo livre e um aparato técnico adequado. A trinca essencial para esse percurs...

01/05/2020 - Ferramentas

Nenhum comentário:
 
Minhas publicações on-line só são possíveis se houver algum tempo livre e um aparato técnico adequado. A trinca essencial para esse percurso é o básico: um computador, um celular e acesso à internet. Com isso já tenho algo para fazer. Quanto ao tempo, procuro gerenciá-lo de forma a tirar melhor o proveito possível e ao meu alcance. A intenção é a de ter um bom nível de metodologia e organização para atingir um patamar que me agrade o bastante.

Todo o planejamento e o trabalho para minhas publicações fazem uma travessia desde a inspiração/pesquisa, passando pela concepção, até a finalização digital. E é aí que meus afazeres são abençoados pelas minhas ferramentas prediletas. No que tange ao planejamento como um todo, elas têm recursos que realmente tornam as coisas mais rápidas, mais fáceis e bem mais organizadas

A primeira delas é o Evernote. Tudo o que faço, tem início nesse aplicativo. A sua versão free oferece um serviço excelente, tanto para o celular, quanto para desktop. Os cadernos e notas são simples de usar e as etiquetas me permitem acompanhar cada etapa até o momento da publicação. E é um recurso extremamente amigável, com um editor de textos bastante eficiente e ainda com a vantagem de fazer backups automáticos de todos os textos e imagens.

O Bloco de Notas do Windows também está no grupo. Essa ferramenta é um editor de texto simplificado, ideal para dar início a alguma ideia. Se eu tiver um lampejo e precisar fazer uma anotação rapidamente, uso o Bloco de Notas. Igualmente, quando longe de um computador, recorro a um caderno escolar e a uma caneta. Ideias ocorrem tão rápidas quanto se perdem, desse modo, aconselho sempre: anote tudo.
Editar ou escrever roteiro passará pela necessidade de um editor de textos, não me vejo escrevendo textos longos sem ser em um deles. O Libre Office Writer não peca em nada, é um competente programa gratuito que concorre com os mais conhecidos do mercado. Sou um usuário muito satisfeito desse software, indico a qualquer um que trabalhe com produção textual.
 
Agora, algo de igual importância, ou melhor dizendo, de suma importância é fazer os backups. A falta que faz um trabalho perdido é terrível. E não adianta chorar... Ainda mais quando são trabalhos finalizados digitalmente, o que já é comum a todos. Portanto, não custa usar o Google Drive e ter, pelo menos, um HD externo. Há poucos meses, fiz uma compra bastante econômica: um HD de notebook e um case. É um jeito perfeito de ter um backup por um preço bem menor.

Essas são as ferramentas com as quais trabalho em boa parte de meus afazeres. As melhores indicações até o presente momento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário